terça-feira, dezembro 06, 2011

Adeus.... minha linda Cherry

Infelizmente, hj venho mais uma vez me expor para vcs minhas queridas e sinceras amigas, acho que algumas de vcs já passaram pelo que eu estou passando no momento, a dor da perda é tão grande, sinceramente nunca senti isso antes, a dor é tanta , algumas até podem achar um exagero, mas não consegui nem me alimentar direito hj.

A Cherry, bricalhona, participante de todos os nossos trabalhos de arte, não resistiu, e nós deixou ontem dia 05 as 21:20m, qdo o meu celular tocou, eu já fiquei em prantos, e juro que até agora não consigo me controlar, eu me sinto culpada por não tê-la levado antes, para outra cidade numa clínica, eu estava tratando na minha cidade mesmo, eu achava que nada poderia acontecer, nunca tive expereincia anteriores com gatos,sabe.......e se....e se.......sempre me questionando porque não fiz isso, porque não fiz aquilo....eu sei que fiz tudo que estava ao meu alcance, mas parece que ficou faltando fazer mais.....

No momento do desespero, eu nem queria ir buscá-la, eu falei não quero ver, porém as horas foram  passando, me informei com a clínica, qual era o procedimento, e me informaram que tem um caminhão que recolhe da clínica os corpos,,,,,,dos bichinhos , aí entrei em desespero, não posso deixá-la jogada como se fosse uma coisa qq, eu nem sabia que destino dariam a ela,
então fomos buscá-la.....durante a madrugada fomos para Joinville SC  buscá-la pensa, ela sempre foi tratada com o melhor , sempre teve teve tudo de bom ....e agora como deixá-la a merce de desconhecidos , na minha casa não tem quintal, o unico pedacinho de terra ...é um poço de luz, então eu e Fabio resolvemos que ali seu seu memorial, e foi feito, Fabio cuidou de tudo, pelo menos eu sei onde ela está, afinal aquele era o lugar que ela gostava de ficar olhando os passarinhos e, conversando com eles.......sim....ela conversava com os passarinhos..sim......se fazia presente para assustá-los, pois ela ficava na janela com tela e, não tinha acesso a eles.

A casa toda foi planejada p/ela, com direito a escadas nas paredes, e janelas todas com tela, para segurança dela, por isso não entendo,... foi cuidada com tanto amor e zelo, que a perdi tão cedo , eu sempre soube que gatos vivem muitos anos, eu não queria passar por isso, ela era tão menina , ~tão bebê ainda, tão saudável, tão graciosa, tão querida, tão amada....
Ela será lembrada para sempre....
Ela nunca será substituída......

Sem condições de responder a todas, obrigada pela força e palavras...




12 comentários:

Vera Moraes disse...

Rosali o que aconteceu? Qual foi o problema com a Cherry? Penso que se vc tiver forças para contar estará ajudando outras pessoas que tb tem gatos de estimação. Perdi minha cachorra Princesa recentemente e a dor é muito grande, mas por incrivel que pareça...passa....A vida continua amiga! Me conforta pensar que quando chegar meu dia irei encontrar todos os bichinhos que tive aqui na terra e que já se foram! Fique bem amiga! Bjus! Vera Moraes - AQUI TEM DE TUDO - www.veramoraes.com.br

Lucia Bara disse...

Oh Rosali que pena, pensei que a cherry iria se recuperar...
Pense que você cuidou bem dela e lhe deu todo o amor do mundo e que ela foi feliz do seu lado...A vida continua e aonde ela estiver vai estar grata a você.
Que bom que trouxe ela pra casa, para aonde ela gostava de ficar isso com certeza a deixou feliz.
Fiquei bem minha querida.
Um beijo em seu coração

hptt://cafeecetim.blogspot.com

Silvia Mingardi disse...

Rosali... minha amiga... vim aqui li... chorei e fui embora... eu acreditava que ela ia sair dessa... estou sem palavras... sei que é muito difícil... mas você fez o que podia... deixou ela na mão de ótimos profissionais... cuidou dela o quando pode...
Amiga se sentir vontade de chorar chore bastante... isso ajuda... força minha querida amiga... se precisar de uma ombro amigo... conte comigo...
Forte abraço...

marcela disse...

Sinto mto pela sua gatinha,sei q agora nenhuma palavra basta p te confortar neste momento.Mas deixo aqui minha sinceras considerações e não pense q devia ter feito mais e sim q o principal vc fez, o Amor nos cuidados c esse ser q Deus o enviou e q agora Ele a quis por perto Dele.Bjs no seu coração !!!

LUCIANE disse...

Estou triste também, quando um bicho meu morre também fico assim, afinal é um mebro da familia e não tem como não se apegar. Pense nos momentos bons que teve com ela, e que não perdeu um bichinho, mas que ganhou um anjo. Sei que o momento é dificil, mas não se culpe, tenho certeza que fez de tudo por ela, incluse ama-la muito. Adorava ver as fotos dela nos seus trabalhos, minha gata faz a mesma coisa, curiosas.
Adote outro gato, não para substitui-la, pois isso é impossivel, mas ajudar amenizar a dor e você ainda estará ajudando uma vida.

Boa sorte

Marlene Pires disse...

Oi Querida eu sinto muito por vc...eu sei bem o que é a perda de animalzinho de estimação ..lá em casa já perdemos uma cadelinha linda (Nina) e foi uma tristeza pra todos. Mas tenha certeza que vc foi uma amiga fiel durante o tempo em ela viveu e isso que importa. Você procurou todos os recursos pra ela, fez a sua parte. Peço a Jesus que console seu coração.
bjos e fique com Deus,
Marlene

Doce Ateliê disse...

Sabemos como é a sua dor, porque já a sentimos. Desejamos que O Senhor Deus Todo-Poderoso derrame uma bálsamo de consolo na vida de vcs.
Abraço carinhoso.
Chris e Dwan/Acre

Dedo de moça patchwork disse...

Eu sinto muito pela Cherry, pode ter certeza que voce fez o melhor e não se sinta culpada.É um momento muito difícil espero que voce fique bem.
Sabe eu perdi o meu gato Nicky nessa época vai fazer 2 anos, ele viveu comigo por 12 anos, ele era muito amado. Fiquei muito arrasada... e por minha felicidade ganhei a Rebeca que está me dando muitas alegrias. Eu também acho que um dia vamos nos encontrar...Força querida e um forte abraço!
Bj
Roseli

Raeli disse...

Também perdi meu amiCão na Páscoa de 2010. Chorei muito mesmo. Ainda hoje, dói muito e choro e fico pensando, se eu não tivesse concordado com a segunda cirurgia dele, talvez não tivesse sofrido tanto como sofreu nas últimas semanas de vida. Me sinto culpada, mas um dia chega a hora de ir embora. Sinto muita saudade dele. Eu sei que no começo, a gente só quer ficar quietinha no cantinho... O tempo vai curando a dor e fica a saudade, as vezes ainda doída. Que Deus console o teu coração, como tem consolado o meu. Bjs

Tathy e Bya disse...

Oi amiga... muito triste a noticia... mas pense, a Cherry, teve um lar onde todos a amavam, teve oportunidade em que tantos outros bichinhos não tem... vc está em paz com sua consciencia... não é errado sofrer por eles, pois eles são uma criação Divina, e sabia, que até mesmo Deus se importa com eles? pois a Bíblia diz que nem mesmo um pardal que cai está desapercebido de Deus...
Assim que vcs melhorarem, deem oportunidade de amarem de novo, façam outras tantas Cherrys felizes, mesmo sabendo que ela é insubstituível...
eu tb sofro muito com a morte de animais, ja perdi tres cachorras que nos acompanharam por 17, 13, e 8 anos... e sinto a falta de cada uma delas...
beijocas no coração, sua amiga Tathy

Tathy e Bya disse...

Oi amiga... muito triste a noticia... mas pense, a Cherry, teve um lar onde todos a amavam, teve oportunidade em que tantos outros bichinhos não tem... vc está em paz com sua consciencia... não é errado sofrer por eles, pois eles são uma criação Divina, e sabia, que até mesmo Deus se importa com eles? pois a Bíblia diz que nem mesmo um pardal que cai está desapercebido de Deus...
Assim que vcs melhorarem, deem oportunidade de amarem de novo, façam outras tantas Cherrys felizes, mesmo sabendo que ela é insubstituível...
eu tb sofro muito com a morte de animais, ja perdi tres cachorras que nos acompanharam por 17, 13, e 8 anos... e sinto a falta de cada uma delas...
beijocas no coração, sua amiga Tathy

Sandra Guadagnin disse...

Ai, Ro, nem fale. Domingo retrasado meu marido encontrou nosso gato Féliz, tinha acabado de ser atropelado em frente de casa. Ficamos muito tristes, fizemos o sepultamento em nosso quintal. Ele era preto, peludão e dengoso. Mas dava um jeitinho de fugir para um terreno próximo de casa. Filho mais novo chorou muito, não entendia a morte. Acho que a Cherry encontrou o Félix e estão ambos brincando no céu dos bichos. Estão bem. Ainda temos uma gata, a mãe de Félix, eles se lambiam o dia todo e brincavam feito loucos pela casa, era lindo de ver. Agora ela mia a noite toda, as vezes ensaia umas brincadeiras sózinhas, meu marido diz que é o Félix que está com ela. Que tristeza para gente, vira uma rotina cuidar deles. Cada um vai pelo seu motivo, poderíamos ter prendido o Félix, mas a Cherry estava segura. No entanto, não está em nossas mãos mudar nada.
Beijos e pensa na grandeza que ela deixou para você, vai ver eles cumpriram muito bem seus destino aqui.
Amém!
Beijos, Ro.